A GLOBALIZAÇÃO DA INTOLERÂNCIA

“O problema da globalização da violência não é novo. Já foi retratado em obras de autores da década de noventa, como Boaventura de Sousa Santos, Ulrich Bech, Immanuel Wallernstein, dentre outros. Se para Eric Hobsbawn, na sua era dos extremos, o século XX foi o que apresentou as guerras mais mortais de todos os tempos, no final do referido período observamos uma explosão sem sentidos da violência de forma fragmentada, através da ação de grupos de crime organizado, de extermínio, de terroristas, e micro guerras organizadas pelas grandes potencias vinculadas à OTAN contra os seus adversários políticos.

O início do século XXI tem como uma de suas marcas o atentado de 11 de setembro, mas este, por si só, é uma consequência direta da ação militar agressiva dos Estados Unidos e seus aliados, especialmente Israel, no Oriente Médio. Seguindo a lógica de que violência somente gera mais violência, o poderoso império estadunidense acabou colhendo os frutos das sementes de anos de exclusão e bombardeio contra alvos civis na Faixa de Gaza, Kuwait, Iraque, Afeganistão, entre outras nações.”

Sustentabilidade e Democracia

síriaFoto: campo de refugiados na Síria (fonte: AFP 2016/ BULENT KILIC)

Autor: Sandro Ari Andrade de Miranda, advogado, mestre em ciências sociais.

O problema da globalização da violência não é novo. Já foi retratado em obras de autores da década de noventa, como Boaventura de Sousa Santos, Ulrich Bech, Immanuel Wallernstein, dentre outros. Se para Eric Hobsbawn, na sua era dos extremos, o século XX foi o que apresentou as guerras mais mortais de todos os tempos, no final do referido período observamos uma explosão sem sentidos da violência de forma fragmentada, através da ação de grupos de crime organizado, de extermínio, de terroristas, e micro guerras organizadas pelas grandes potencias vinculadas à OTAN contra os seus adversários políticos.

O início do século XXI tem como uma de suas marcas o atentado de 11 de setembro, mas este, por si só, é uma consequência direta da ação militar agressiva dos…

Ver o post original 826 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: