Ativista que deu água a porcos sedentos é considerada inocente

Em 2015, a ativista canadense Anita Krajnc foi processada por dar água a porcos exaustos a caminho do matadouro.

Em 4/5, a justiça de Ontário considerou Anita Krajnc inocente. Ela havia sido processada por dar água a porcos sedentos que estavam em uma carreta a caminho do matadouro, em 22 de junho de 2015. Na ocasião, o proprietário do abatedouro chamou a polícia e Anita acabou sendo indiciada por dano à propriedade privada.

Ao inocentar Anita Krajnc, o juiz David Harris alegou que a ativista não pretendia ferir os porcos ou fazer com que o matadouro os rejeitassem.

Harris também considerou que Anita Krajnc não estava causando danos à propriedade alheia.

Por outro lado, Pat Jilesen, diretor da Federação da Agricultura de Ontário, afirmou que o comportamento da ativista “coloca não apenas os animais em risco, mas os humanos também”.

As informações são da CTV Toronto News.

O Holocausto Animal

Em 2015, a ativista canadense Anita Krajnc foi processada por dar água a porcos exaustos a caminho do matadouro.

Ver o post original 126 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: