Trecho de entrevista com Bruno Schirra

Trecho de entrevista com Bruno Schirra, autor do livro “A jihad global”:

“O EI [Estado Islâmico] tem também a estratégia cínica de, com o terror, ajudar a extrema-direita, que agora está com um potencial de 25% em vários países. A guerra santa da jihad já começou na Europa, e vai ser impulsionada quando a extrema-direita começar a reagir. Com o medo coletivo, os islamistas querem provocar a islamofobia. Em minha última conversa com um integrante do comando do EI, ouvi: “Só quando os primeiros muçulmanos forem queimados teremos alcançado nosso objetivo”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: