Archive for fevereiro \27\UTC 2010

Terremotos no Haiti e Chile, tremores na Argentina, em São Paulo, maremotos no Pacífico… num tá a cara daquele filme “2012”? Que horror! Bate na madeira!

fevereiro 27, 2010

Socialismo sem liberdade é falso e hipócrita! Liberdade de expressão e de imprensa em Cuba, Venezuela, China, etc, já!!!

fevereiro 26, 2010

Próximos shows gringos de 2010 (RJ) 2010 continua na boa, depois de Metallica e AC/DC, vem por aí: Guns’n’Roses com abertura de Sebastian Bach (no RJ em 14/3 na Apoteose), Dream Theater (no RJ em 20/3 no Citibank Hall), John Corabi (no RJ em 27/3 no Calabouço Heavy Rock Bar), Social Distortion (no RJ em 16/4 no Circo Voador) e Richie Kotzen (no RJ em 25/4 no Teatro Odisseia, Lapa). Beleza!!!

fevereiro 17, 2010

Um trecho genial do grande Arnaldo Jabor em sua crônica sobre o filme “Besouro” (vida do Mestre da Capoeira): “Existe no Brasil uma grave injustiça antropológica também – não apenas política ou policial. “Besouro” denuncia como a religião afro-brasileira é sabotada por canalhas e exploradores da religião católica ou evangélica. Na Bahia, ainda hoje, querem identificar o candomblé com o diabo, aos poucos carcomendo o que havia de mais belo na mais bela de nossas crenças. Em vez de um Deus ameaçador ou este recente “deus de mercado” que compra almas pelos dízimos, o candomblé é múltiplo; vê os vários ângulos da personalidade humana (…)” Parabéns ao Jabor!!! E, finalmente, há mais alguém que vê as coisas como eu! Se for pra crer em alguma coisa intangível e improvável [eu não creio em nada!], que seja ao menos em algo belo, vivo, dinâmico, plural, democrático e verdadeiramente Brasileiro como o candomblé e não nesta triste e miserável religião masoquista e repressora imposta pelos colonizadores mercantilistas europeus aos povos nativos da América e da África.

fevereiro 4, 2010

É fantástico como a igreja católica não perde uma chance de mostrar que continua sendo a vanguarda… do retrocesso! Ha, ha, ha! Não é que o Vaticano veio a público para condenar o filme “Avatar” por “mostrar a natureza como uma entidade viva, ao invés da adoração de um deus único”. Ou seja, o que eles querem [como fazem há séculos!!!] é condenar as antigas tradições pagãs, o animismo, a concepção de Gaia (o planeta vivo). Bom, eu não tenho paciência pra argumentar contra coisas óbvias como a baboseira do “deus único” [é claro que, na eventualidade de existirem deuses, certamente serão vários, “masculinos E femininos” (andróginos) e não um só, muito menos aquela figura ridícula do velho barbudo nas nuvens; a própria representação do poder ditatorial, machista e imperialista dos patriarcas judaico-cristãos. Só vou dizer o seguinte então: é devido a este velho pensamento mecanicista dos cristianismo [= homem separado da Natureza, e as coisas todas separadas uma das outras, e não todas conectadas entre si, como na realidade ocorre), é que se fomenta a sanha exploratória, extrativista e consumista que baseia os argumentos dos exploradores e destruidores da Natureza. Não é por acaso que o cristianismo é a religião que dá base intelectual (intelectual? Ha ha ha!) ao modo de produção capitalista. O cristianismo e o capitalismo estão intrinsecamente ligados, desde o nascimento deste último. E estão cada dia mais ligados, aliás, vista a ganância irrefreável dos pastores evangélicos pela grana do povão ignorante e otário que segue estes abutres.

fevereiro 3, 2010